Suspeito de estupro é preso no bairro Santa Marta, em Bento

Um homem de 31 anos, suspeito de estuprar uma mulher, de 24 anos, na tarde da última segunda-feira, dia 16, foi preso preventivamente pela Brigada Militar, nesta quarta-feira, em uma área de mata localizada no bairro Santa Marta, em Bento Gonçalves. Ele foi reconhecido pela vítima.

Conforme informações, ele é acusado de render e estuprar a mulher no bairro Botafogo. A vítima caminhava em via pública, por volta das 17h, quando foi abordada pelo estuprador nas proximidades da linha férrea. Na noite desta quarta, a Brigada Militar e a Polícia Civil, realizaram uma coletiva de imprensa, na sede do 3º Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas (3º BPAT) para divulgar como ocorreu a identificação e a prisão do suspeito, após deferimento de prisão preventiva concedida pela Justiça.

Segundo informado na coletiva, o homem, armado com um facão, ameaçou a vítima forçando-a a ir até um local de difícil acesso e visualização das pessoas que passavam pela ruas ao redor, sendo abusada pelo mesmo. O criminoso ainda agrediu a mulher e chegou a sufocá-la e tentar afogá-la em uma poça de lama, porém a vítima entrou em luta corporal com o indivíduo e conseguiu fugir, buscando ajuda em uma residência próxima.

Após conseguir abrigo, a mulher buscou atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24h). Após a comunicação do crime, as autoridades policiais iniciaram buscas de posse das características do criminoso, identificando-o como um andarilho, natural da cidade de Getúlio Vargas e que estaria há pouco tempo na cidade. A prisão foi realizada no final da tarde, sendo que o mesmo ficou sob custódia da Brigada Militar até o deferimento do pedido de prisão preventiva.

As características repassadas pela vítima à polícia durante as investigações, como a fisionomia do mesmo, barba e tatuagens foram de extrema importância para a localização dele. A Polícia Civil passa a investigar outros casos, ou tentativas de abusos, que possam ter sido praticados pelo suspeito. O indivíduo ainda é suspeito de cometer um roubo a pedestre e uma furto qualificado, nas últimas horas, exatamente neste intervalo entre o cometimento do estupro na segunda-feira, até a prisão.

Estiveram presentes da coletiva de imprensa a Delegada Titular da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM), Deise Salton Brancher Ruschel, o comandante do 3º BPAT, Tenente-coronel Luis Fernando Becker e a sub-comandante capitã Estefanie Fagundes Gomes

Central de Jornalismo / Unidade Móvel Difusora

(KPJ)