Sucesso entre a década de 70 e os anos 2000, Pista de Esqui volta a ser atração em Garibaldi

Estrutura itinerante será inaugurada no dia 31 de outubro, data do aniversário de 121 anos do Município

Garibaldi, na Serra Gaúcha, resgata uma de suas maiores atrações turísticas, de grande sucesso e que já rendeu ao município reconhecimentos no Brasil e no exterior. A antiga Estação de Esqui Presidente Médici, ativa entre 1970 e 2001, ganhará uma versão itinerante — com 120 metros de comprimento, 3,6 metros de largura e 40 torres de sinalização. A nova estrutura será inaugurada neste domingo, 31, data em que a cidade celebra seus 121 anos de emancipação política, com evento na Rua Júlio de Castilhos, em frente à prefeitura.

Um resgate histórico, feito pela Associação dos Amigos do Esqui de Garibaldi (AAEG), permitiu reativar a tão sonhada pista, que mexe com a memória de muitas famílias, turistas e atletas. Para quem não sabe, o primeiro homem a esquiar no Brasil foi o empresário garibaldense David Afonso Antônio Santini (in memorian), idealizador da primeira estação. Santini realizou o feito em agosto de 1968 e, desde então, o esporte tem lugar cativo entre os habitantes da cidade. O Campeonato Brasileiro de Esqui e a Olimpíada Brasileira de Esqui atraíram, durante anos, praticantes de diversas partes do mundo.

“Muitas pessoas têm uma memória afetiva com Garibaldi, justamente pelas experiências vividas nos tempos da Estação de Esqui. São famílias inteiras, pais que traziam os filhos, os atletas, além dos próprios garibaldenses que sempre se envolveram muito com esse esporte. A união, o trabalho conjunto e a solidariedade da nossa gente se materializa nesse verdadeiro presente no dia do aniversário do município”, destaca o prefeito Alex Carniel, que sempre assumiu o compromisso com o retorno da atração.

Resgate histórico da AAEG

O fundador da AAEG, Vitor Guaragni, ressalta que a pista é um sonho que nasceu dentro da própria comunidade, com união, atitude solidária e muita pesquisa. “Foram anos de trabalho, juntando pedaços esquecidos de tudo que restou do antigo esqui, com a ajuda dos amigos que formam a Associação. Foi um projeto sonhado por muitos e que agora sai do papel”, comemora.

Para Aroldo Juliano Pietta, que frequentou a estação de esqui por oito anos e chegou a trabalhar como instrutor, a estrutura reativa um legado marcante na cidade. “Eu conheço mais de 26 estações ao redor do mundo e sei que quem aprende a esquiar na pista artificial, tira de letra quando chega na neve. Essa é mais uma razão para termos a pista itinerante: as pessoas podem aprender aqui e depois aproveitar um dos esportes mais lindos que existem em qualquer parte do mundo”, salienta.

O atual presidente da entidade, Rafael de Paula, convida a comunidade para a inauguração. “É uma honra fazer parte desse projeto que traz de volta, após 20 anos, a pista de esqui. Garibaldi merece a oportunidade de conhecer ou de voltar a ver essa pista, que já trouxe tanto orgulho para a cidade”, destaca.

 

Fonte: Departamento de Comunicação da Prefeitura
Foto
: Acervo Histórico do Museu Municipal

(RM)