Preço da uva para safra 2020/2021 deve ser confirmado em R$ 1,10

Em recente reunião do Conselho Monetário Nacional (CMN) foi sinalizado um pequeno reajuste no preço mínimo da uva (o quilo da variedade isabel) para a safra 2020/2021: dos atuais R$ 1,08 para R$ 1,10. A oficialização da Conab junto ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento deverá ocorrer nos primeiros dias de novembro.

Contrários ao valor proposto, representantes do movimento sindical foram até Brasília em busca de agendas e reforço de articulação para ampliar o debate. A comitiva contou com Cedenir Postal, coordenador da Comissão Interestadual da Uva e presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Bento Gonçalves, com extensão em Monte Belo, Pinto Bandeira e Santa Tereza; Luciano Rebelatto, do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Garibaldi, Boa Vista do Sul e Coronel Pilar e; Olir Schiavenin, do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Flores da Cunha e Nova Pádua.

O custo variado estaria em R$ 1,15 e o estimado de produção em R$ 1,47. A previsão de valor mínimo repercute em meio aos líderes de entidades na mesma semana em que foi divulgada a queda de 18,2% na safra deste ano.

Fonte: Felipe Machado – Central de Jornalismo da Rádio Difusora