Polícia Federal deflagra Operação Dólos

A Polícia Federal deflagra, nesta quarta-feira, dia 11, a Operação Dólos, para reprimir ação de criminosos que se passavam por policiais federais para extorquirem vítimas através de redes sociais.

Na ação, 30 policiais federais cumprem quatro mandados de busca e apreensão em Porto Alegre, Gravataí, Viamão e quatro no Sistema Penitenciário do Rio Grande do Sul, sendo três na Cadeia Pública de Porto Alegre e um na Penitenciária Estadual de Canoas.

A investigação teve início em janeiro e identificou indivíduos que se utilizavam de engenharia social para manter contato com as vítimas, utilizando perfis falsos, fazendo-se passar por meninas menores de idade. A partir do contato inicial, havia o envio de imagens das supostas menores nuas, e, posteriormente, a extorsão com a utilização de perfis falsos de dois policiais federais do Rio Grande do Sul. Os criminosos solicitavam valores para, supostamente, não dar prosseguimento às investigações.

A Polícia Federal já identificou vítimas nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Minas Gerais e Pernambuco.

Os crimes investigados na Operação Dólos são extorsão, associação criminosa e falsa identidade.

Dólos, na mitologia grega, é um ser que personifica o ardil, a fraude, a astúcia, as artimanhas e as más ações.

Fonte e foto: Comunicação Social da Polícia Federal no Rio Grande do Sul

(FA)