Jovem acusa advogada de se apropriar de valores de causa trabalhista em Bento

Um jovem de 23 anos registrou um boletim de ocorrência contra uma advogada, por apropriação indébita, depois de a mesma ficar com grande parte do valor de uma ação trabalhista, a qual ele tinha direito, em Bento Gonçalves.

Conforme registro policial, a vítima ajuizou uma ação trabalhista com a advogada. Segundo o jovem, no último dia 15 de setembro a advogada solicitou que ele assinasse documentos autorizando a mesma a receber a quantia de R$ 14 mil de ganho de causa do processo trabalhista.

Desse montante, o combinado era de a advogada ficar com 30% do valor como honorário pelos serviços prestados e o restante depositar na conta da vítima, porém a profissional repassou somente parte do valor a qual a vítima tinha direito. O jovem tentou contato com a mesma que o bloqueou nas redes sociais e fechou o escritório que possuía no Centro da cidade.

Central de Jornalismo / Unidade Móvel Difusora

(KPJ)