Inicia a distribuição de kit alimentação para famílias de Garibaldi

A Prefeitura de Garibaldi, por meio da secretaria de Habitação, Trabalho e Assistência Social (SMHTAS) desenvolveu um programa para distribuição de alimentos para a população em situação de vulnerabilidade social, como medida de enfrentamento ao coronavírus (Covid-19). Os kits serão distribuídos para os beneficiários do Bolsa Família, inscritos no Cadastro Único e que não recebem o benefício e autônomos.

Para evitar a aglomeração de pessoas, como recomendado pelos órgãos de saúde, o beneficiário deverá agendar a entrevista pelo telefone 3462-8240, das 8h às 11h30min e das 13h15min às 17h. Na manhã desta terça-feira, dia 31, a secretaria iniciou a entrega dos kits para os beneficiários.

Considerando que a tendência é o quadro se agravar, busca-se planejar ações para amenizar os impactos socioeconômicos causados pelas ações necessárias à prevenção ao novo coronavírus, como por exemplo, medidas que deverão auxiliar à população que não está conseguindo trabalhar com a quarentena. Assim, perante a sugestão do Comitê Municipal de Atenção ao Coronavírus, a SMHTAS solicitou a compra de cestas básicas para as famílias carentes do município.

Segundo o prefeito Antonio Cettolin, a medida visa garantir o abastecimento de itens essenciais de alimentação para a população afetada pelo coronavírus, oportunizando um pouco mais de tranquilidade neste momento.

O secretário da Habitação, Trabalho e Assistência Social, Calvete Poleto, reforça que estão sendo priorizadas as famílias que possuam pelo menos uma criança no núcleo familiar.

Documentação necessária

Beneficiário do Bolsa Família

– Comparecer o titular com o cartão do Bolsa Família.

Inscritos no Cadastro Único e que não recebem o Bolsa Família e Autônomos

– Carteira de Trabalho e/ou comprovante de renda de até 2 salários mínimos;
– Comprovar uma criança núcleo familiar;
– Comprovante de residência;
– Documento de identificação (RG e CPF).

As cestas básicas são compostas pelos seguintes itens: 5 kg de arroz, 2 kg de açúcar, 3 kg de feijão, 2 pacotes de 500g de massa, 2 litros de leite, 1 pacote de bolacha, 1 pacote de café em pó, 1 litro de óleo de soja, 1 sachê de extrato de tomate e 500g de sabão em barra.

Fonte: Prefeitura de Garibaldi

Foto: Divulgação