HG recebe dez unidades de ventilador pulmonar portátil desenvolvido em Caxias do Sul

Equipamento produzido pela empresa Zextec, a partir de financiamento do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, passa por testes para obter registro da Anvisa

Em mais um projeto em parceria com a Zextec Consultoria Empresarial, o Hospital Geral recebeu, nesta quinta, dia 21 de outubro, dez unidades de um ventilador pulmonar portátil, modelo que vem sendo desenvolvido pela empresa a partir de subvenção da Finep (Financiadora de Estudos e Projetos), empresa pública de fomento à ciência, tecnologia e inovação vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI). Os recursos são provenientes do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT).

Em 2020, Universidade de Caxias do Sul, HG, Zextec e um conjunto de empresas desenvolveram o ventilador pulmonar Frank 50-10, destinado ao atendimento de urgência e emergência de pacientes da Covid-19, que foi homologado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). “Recebemos um produto importante para que, assim que autorizado, possamos dar maior conforto e também transporte aos pacientes que precisarem de um respirador portátil. É uma evolução do aparelho feito no início da pandemia, mais moderno e versátil para ser colocado à disposição dos pacientes”, diz o diretor geral do HG, Sandro Junqueira.

Aperfeiçoado em relação ao projeto anterior, o novo aparelho, batizado de THOR em referência ao deus da mitologia nórdica, tem como principal diferencial a portabilidade. “É o primeiro equipamento de alta complexidade do tipo desenvolvido totalmente em Caxias do Sul, projetado para ser versátil e compacto, possibilitando seu uso tanto em UTIs como em ambientes extra-hospitalares, como ambulâncias e residências”, destaca a diretora da Zextec, Aline de Alencastro.

Teste clínico na próxima semana – O aparelho teve solicitação de registro encaminhada à Anvisa. Até o momento, foram realizados testes de engenharia, em laboratório próprio da Zextec, e testes pré-clínicos, em suínos, nas estruturas de Saúde da UCS. Na próxima quinta, dia 28, ocorre o primeiro teste clínico com paciente humano, conduzido pelo diretor técnico do HG, Alexandre Avino. No processo de homologação (necessário para a autorização de uso por pacientes), serão realizados também ensaios técnicos em laboratórios homologados pela agência.

“São etapas a serem cumpridas de acordo com o contrato estabelecido com a Finep e necessárias para o desenvolvimento do equipamento com toda segurança, eficiência e funcionalidade. Assim que houver a homologação pela agência, as unidades hoje recebidas poderão ser utilizadas pelo HG”, explica Avino.

A aprovação da subvenção da Finep ao projeto THOR foi publicada no Diário Oficial da União em 28 de outubro de 2020. Os recursos destinaram-se ao desenvolvimento do equipamento e à produção de um lote-piloto de dez unidades, que deveriam ser doadas ao Sistema Único de Saúde (SUS) – o que foi efetivado com a entrega ao HG nesta quinta.

Fonte: Imprensa UCS

Fotos: Rafael Gasparin Boff/Agência UCSiNOVA