Hemocentros do RS contam com doações de voluntários para manter estoques de sangue

Hemocentros e hospitais do estado contam com a colaboração voluntária dos cidadãos gaúchos para manter os estoques de sangue. E isso precisa ser feito regularmente, já que os componentes do sangue têm validade restrita, variando de dias a semanas, explica a coordenadora do Hemocentro do Estado do Rio Grande do Sul (Hemorgs), Maristela Teixeira. Ela afirma que, para isso, o hemocentro também estimula a fidelização dos doadores, ou seja, que as pessoas façam doações de forma recorrente, sempre que possível.

Se cada cidadão saudável doasse sangue pelo menos duas vezes por ano, não seriam necessárias campanhas emergenciais para coletas de reposição de estoques. O sangue não tem substituto e, por isso, a doação voluntária é fundamental. Uma simples doação pode salvar muitas vidas. Toda pessoa em boas condições de saúde pode doar sangue sem qualquer risco ou prejuízo à sua saúde.

Na terça-feira (9), por exemplo, cerca de 30 policiais militares doaram sangue ao Hemorgs, como parte da campanha solidária da Brigada Militar (BM) do RS para incentivar a doação de sangue de PMs de todo o estado. Outros 40 policiais fariam doação na capital na mesma semana. “Queremos servir de exemplo para a população, através de um gesto de amor e carinho”, disse o comandante-geral Mário Yukio Ikeda.

Mulheres podem doar a cada três meses, com um máximo de três doações no período de um ano, e homens podem doar a cada dois meses, com um máximo de quatro doações no período de um ano.

O que é preciso para doar
– Estar em boas condições de saúde;
– Apresentar documento oficial de identidade com foto;
– Ter idade entre 16 e 69 anos, sendo que os candidatos a doadores com menos de 18 anos deverão estar acompanhados pelos pais ou por responsável legal;
– Pesar no mínimo 50 kg com desconto de vestimentas;
– O limite de idade para a primeira doação é de 60 anos;
– Não estar em jejum e evitar alimentação gordurosa;
– Ter dormido pelo menos seis horas antes da doação;
– Não ter ingerido bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores à doação;
– Não fumar pelo menos duas horas antes da doação.

Impedimentos temporários para a doação
– Gripe ou febre;
– Gestantes ou mães que amamentam bebês com menos de 12 meses;
– Até 90 dias após aborto ou parto normal e até 180 dias após cesariana;
– Tatuagem ou acupuntura nos últimos 12 meses;
– Exposição à situação de risco para a Aids (múltiplos parceiros sexuais, ter parceiros usuários de drogas);
– Herpes labial.

Impedimentos definitivos
– Doença de Chagas;
– Hepatite após os 11 anos de idade;
– Ser portador dos vírus HIV (Aids), HCV (Hepatite C), HBC (Hepatite B), HTLV;
– Uso de drogas injetáveis.

Outros critérios que impedem a doação serão verificados na entrevista de triagem.

Onde doar

Hemocentro do Estado do Rio Grande do Sul
Av. Bento Gonçalves, 3.722 – Porto Alegre
Fone: (51) 3336-6755
E-mail: [email protected]
Horário de funcionamento:
– Para doação de sangue: segunda a sexta feira, das 8h às 18h.
– Para cadastro de doador de medula óssea: segunda a sexta feira, das 8h às 17h.

Hemocentro Regional de Alegrete
Rua General Sampaio, 10 – Alegrete
Fone: (55) 3426-4127
E-mail: [email protected]
Horário de funcionamento:
– Para doação de sangue: segunda, terça, quinta e sexta, das 7h30min às 14h30min, e na quarta, das 8h às 14h.
– Para cadastro de doador de medula óssea: segunda, terça, quinta e sexta, das 7h30min às 14h30min, e quarta, das 8h às 14h.

Hemocentro Regional de Caxias do Sul
Rua Ernesto Alves, 2.260 – Caxias do Sul
Fones: (54) 3290-4536 / 3290-4543
E-mail: [email protected]
Horário de funcionamento:
– Para doação de sangue: de segunda a sexta, das 8h30min às 17h, e sábado, das 8h às 12h.
– Para cadastro de doador de medula óssea: de segunda a sexta, das 8h30min às 17h.

Hemocentro Regional de Cruz Alta
Rua Barão do Rio Branco, 1.445 – Cruz Alta
Fone: (55) 3326-3168
E-mail: [email protected]
Horário de funcionamento:
– Para doação de sangue: de segunda a sexta, das 7h30min às 11h30min.
– Para cadastro de doador de medula óssea: de segunda a sexta, das 7h30min às 11h30min.

Hemocentro Regional de Passo Fundo
Av. Sete de Setembro, 1.055 – Passo Fundo
Fones: (54) 3311-5555 ou (54) 3311-1427
E-mail: [email protected] ou [email protected]
Horário de funcionamento:
– Para doação de sangue: de segunda a sexta, das 8h às 14h30min, com agendamento prévio.
– Para cadastro de doador de medula óssea: de segunda a sexta, das 8h às 14h30min, com agendamento prévio.

Hemocentro Regional de Pelotas
Av. Bento Gonçalves, 4.569 – Pelotas
Fone: (53) 3222-3002
E-mail: [email protected]
Horário de funcionamento:
– Para doação de sangue: de segunda a sexta das 8h às 18h e no primeiro sábado do mês, das 8h às 13h.
– Para cadastro de doador de medula óssea: de segunda a sexta das 8h às 18h e no primeiro sábado do mês das 8h às 13h.

Hemocentro Regional de Santa Maria
Alameda Santiago do Chile, 35 – Santa Maria
Fones: (55) 3221-5262 / 3221-5192
E-mail: [email protected]
Horário de funcionamento:
– Para doação de sangue: de segunda a sexta das 8h às 14h e no terceiro sábado do mês, das 8h às 12h.
– Para cadastro de doador de medula óssea: de segunda a sexta das 8h às 14h e no terceiro sábado do mês das 8h às 12h.

Hemocentro Regional de Santa Rosa
Rua Boa Vista, 401 – Santa Rosa
Fone: (55) 3513-5140
E-mail: [email protected]
Horário de funcionamento:
– Para doação de sangue: de segunda a quinta, das 7h30min às 11h e das 13h30min às 17h.
– Para cadastro de doador de medula óssea: de segunda a quinta, das 7h30min às 11h e das 13h30min às 17h.

Hospital de Clínicas de Porto Alegre
Rua São Manoel, 543 – Porto Alegre
Fone: (51) 3359-8504
Horário de funcionamento:
– Para doação de sangue: de segunda a sexta, das 8h às 15h.
– Para cadastro de doador de medula óssea: de segunda a sexta, das 8h às 15h.

Hospital Nossa Senhora da Conceição
Av. Francisco Trein, 596 – Porto Alegre
Fone: (51) 3357-2139
Horário de funcionamento:
– Para doação de sangue: de segunda a sexta, das 7h30min às 17h, e sábados, das 7h30min às 12h (aos sábados, com distribuição de 80 fichas, por ordem de chegada)
– Para cadastro de doador de medula óssea: às terças e quintas, das 9h às 11h e das 14h às 16h.

Fonte: Secom-RS