Ex-companheira assume assassinato de homem no Conceição, em Bento

A ex-companheira de Bruno Botassoli, de 25 anos, morto a facadas na manhã desta quarta-feira, dia 24, no bairro Conceição, em Bento Gonçalves, assumiu a autoria do crime.

Segundo a Polícia Civil, a jovem de 20 anos, admitiu ter golpeado o ex-companheiro em legítima defesa, após o mesmo invadir a sua residência, mesmo com pedido de medida protetiva, e os dois entrarem em luta corporal.

Conforme informações do delegado Renato Nobre Bias, titular da 1ª Delegacia de Polícia (1ª DP), a jovem informou que na semana passada, teria sido agredida pelo mesmo, inclusive ainda estando com ferimentos pelo corpo, e anteriormente a isso, há cerca de um mês havia sido ameaçada, fato que motivou-a a pedir medidas protetivas.

Ainda segundo o delegado, Botassoldi era usuário de drogas e não se sabe ainda se ele estava sob efeito de entorpecentes na manhã desta quarta, quando arrombou a porta da casa da jovem. Os dois entraram em luta corporal e ela conseguiu pegar uma faca e desferir golpes contra o agressor, que acabou sendo socorrido e encaminhado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Foto: Unidade Móvel Difusora

Central de Jornalismo / Unidade Móvel Difusora

(KPJ)