Dez locais são considerados impróprios para banho pela Fepam no estado

Dez locais, dos 76 pontos analisados pela Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam) no estado, são apontados como impróprios para banho. A maior parte em águas internas e um na região litorânea.

 

Na Região Hidrográfica do Guaíba, entre os 14 pontos verificados, quatro apresentaram condições desfavoráveis ao banho. São eles: Praia Carlos Larges em Candelária, Balneário Nova Palma em Nova Palma, Balneário das Tunas em Restinga Seca e Balneário Passo verde em Santa Maria. Ainda nessa região, dois pontos não puderam ter sua qualidade determinada – Praia da Alegria e Praia da Florida, em Guaíba.

 

Na Região Hidrográfica do Uruguai, três apresentaram condições impróprias. A Praia do Passo Real em Dom Pedrito, o Balneário de Mata em Mata e o Balneário Distrito Ernesto Alves em Santiago. O Balneário de São Simão em Cacequi não teve condições de balneabilidade determinada.

 

No Litoral Sul, dos cinco pontos verificados, apenas um não foi considerado apto: o Camping Municipal de Pedro Osório. O Balneário do Pontal em Arrio Grande não teve condições determinadas.

 

Dos 19 pontos analisados no Litoral Médio, somente dois – ambos em Tapes – não estão próprios ao banho. Em frente ao Camping dos Pinheirais e na área que leva o nome do município foram constatados altos níveis de cianobactérias, que podem causar problemas à saúde.

 

No Litoral Norte, todos os 33 pontos analisados apresentaram boas condições.

 

Com informações do Palácio Piratini

Foto: Divulgação Sema