CBMRS emite nota de pesar pela perda dos dois servidores mortos em combate ao incêndio no prédio da SSP

O Corpo de Bombeiros de Militar do Rio Grande do Sul (CBMRS) emitiu nesta quinta-feira, dia 22, uma nota de pesar pela perda dos dois servidores mortos durante combate ao incêncio que atingiu o prédio da Secretaria de Segurança Pública do estado, no último dia 14.

Os corpos do 1º Tenente Deroci de Almeida da Costa e o 2º Sargento Lúcio Ubirajara de Freitas Munhós, foram encontrados na noite de ontem, quarta-feira, exatamente uma semana depois de desaparecerem. Os dois corpos estavam próximos debaixo de uma montanha de cerca de seis metros de escombros.

Confira a nota na íntegra:

É com profundo pesar que o Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul (CBMRS) perde a vida de dois bombeiros militares em combate.

Faleceram o 1º Tenente Deroci de Almeida da Costa e o 2º Sargento Lúcio Ubirajara de Freitas Munhós. Os dois militares, desaparecidos no combate ao incêndio do prédio da Secretaria da Segurança Pública (SSP), em Porto Alegre, foram encontrados após sete dias.

O 1º Tenente Almeida incluiu na Brigada Militar/Corpo de Bombeiros em 14/12/1998 e, atualmente, servia no 1º BBM, no Setor de Logística e Patrimônio, tendo 22 anos de serviço na Corporação. Serviu por 18 anos no 1º Batalhão de Bombeiros Militar da Capital gaúcha. Casado, 46 anos, deixa 2 filhos.

O 2º Sargento Munhós incluiu na Brigada Militar/Corpo de Bombeiros em 27/04/1990 e, atualmente, servia no Quartel Central do Corpo de Bombeiros, na Divisão de Logística e Patrimônio, tendo 31 anos de serviço na Corporação. Serviu por 29 anos no 1º Batalhão de Bombeiros Militar da Capital gaúcha. Casado, 51 anos, morador de Viamão, deixa uma filha.

O 4° Pelotão de Bombeiro Militar de Veranópolis presta sua homenagem aos dois Bombeiros Militares que tombaram em combate.

“Salvar e Proteger”

Central de Jornalismo / Unidade móvel Difusora