BM de Canela prende três indivíduos por violência doméstica

Em menos de 24 horas a Brigada Militar de Canela realizou a prisão de três indivíduos por violência doméstica, relacionado a Lei Maria da Penha. No primeiro caso o autor tentou expulsar a companheira com os filhos menores de casa. No outro, um filho usuário de drogas descumpriu medida protetiva contra a mãe. E no terceiro crime, também um filho desferiu pauladas contra a própria mãe.

AUTOR TENTA EXPULSAR A MULHER COM OS FILHOS MENORES DE CASA

Na tarde de sexta-feira, dia 17, a guarnição foi acionada na Rua João de Azevedo, bairro Canelinha, onde a vítima, de 25 anos, relatou estar sendo ameaçada e constrangida pelo seu companheiro. Ela já possui outros registros de lesão corporal, realizados pelo autor.

A mulher relatou que convive há nove anos com o companheiro, de 28 anos, que mandou ela sair da residência de convívio com seus dois filhos menores de idade.

Durante a semana após retornar do trabalho, ela já havia sido impedida de entrar em sua casa e pegar os filhos, tendo que pernoitar na casa de sua mãe.

Agora novamente ele mandou que saísse da casa e diante da negativa, o autor passou a injuriar a mesma, chamando de lixo, sendo ameaçada inclusive na frente dos filhos, dizendo que iria grudar a cabeça dela nos pregos da porta.

DESCUMPRIMENTO DE MEDIDAS PROTETIVAS

Também na noite de sexta-feira, a Brigada Militar foi acionada na Rua Perimetral II, Loteamento Adão Mirote, para verificar uma ocorrência envolvendo familiares. No local a vítima, de 42 anos, informou que possui medida protetiva contra o filho, de 22 anos, que é usurário de crack.

Segundo a vítima ele chegou na casa dela e entrou. Foi advertido pela sua irmã, menor de idade, para que deixasse a residência. Nesse momento o acusado começou uma nova discussão.

FILHO É PRESO APÓS DESFERIR PAULADAS NOS BRAÇOS E COSTAS DA PRÓPRIA MÃE

Na manhã de sábado, dia 18, a Brigada Militar de Canela recebeu diversas ligações, via 190, informando sobre um desentendimento familiar na Estrada do Chapadão.

Rapidamente a guarnição deslocou e encontrou a vítima, de 62 anos, na casa de conhecidos. Ela relatou ter sofrido diversas pauladas nos braços, no tronco e nas costas, e que o autor é o próprio filho de 29 anos. A mulher relatou ainda que as agressões são frequentes e que teme pela própria vida, solicitando medidas protetivas contra o acusado.

Os Policiais Militares foram até a residência da vítima onde o autor se encontrava e foi preso em flagrante.

Nos três casos os autores foram presos e conduzidos à delegacia onde foram registradas as ocorrências.

Fonte: Central de Jornalismo da Rádio Difusora com informações da BM

Foto: Arquivo

(FA)