Apresentado relatório final da “CPI das Fake News” na Câmara de Bento

Nesta quinta-feira, dia 3, vereadores que integram a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das “Fake News” da Câmara Municipal de Bento Gonçalves apresentaram oficialmente para a imprensa o relatório final dos trabalhos. Foram 140 dias de atuação, com reuniões, oitivas, análises de documentos e perícia, que culminaram para o relatório final de 56 páginas. Ele está disponível no Portal oficial do Legislativo AQUI.

Em síntese, o documento apresenta um histórico da atuação e aponta a utilização do perfil falso “Roberta Almeida” sob o aval do gabinete do vereador investigado, Moacir Camerini. Diz ainda que o parlamentar “falhou gravemente na vigia dos trabalhos dos mesmos (funcionários do gabinete) mesmo sabendo das ilegalidades”.

O relatório terá como destino o Ministério Público do Rio Grande do Sul através da Promotoria de Justiça de Bento Gonçalves.

Liminar

Antes da apresentação do relatório, a defesa do vereador Camerini trouxe uma decisão do Poder Judiciário através da juíza Christiane Tagliani Marques, da 1ª Vara Cível, suspendendo os trabalhos da CPI até a análise do processo e de suas irregularidades.

O Mandado de Segurança foi impetrado pelo vereador no dia 1º de outubro a fim de anular a CPI que começou em maio. No documento foram apontadas diversas violações no direito de defesa, o que foi questionado pelo seu advogado, Vinícius Boniatti.

Um oficial de justiça chegou a comparecer na Câmara nesta tarde apresentando a decisão. Entretanto, o setor Jurídico do Legislativo respondeu informando não haver ilegalidade, já que o mandado teria validade a partir deste dia 3, sendo que os trabalhos da CPI foram finalizados no dia 2. Além disso, a Brigada Militar chegou a ser acionada e uma ocorrência policial foi registrada na Delegacia por parte do vereador Moacir Camerini.

Os parlamentares que integraram a Comissão foram: Jocelito Tonietto (PDT), presidente; Idasir dos Santos (MDB), Vice-presidente; Volnei Christofoli (Progressistas), relator; Anderson Zanella (PSD), Gilmar Pessutto (PSDB).

Fonte: Central de Jornalismo da Difusora com informações do repórter Nei Vignatti