Agricultores do interior de Bento seguem sem luz, há quatro dias, pós temporal

STRBG

Famílias do interior de Bento Gonçalves sofrem com a falta de luz há mais de quatro dias. O desabastecimento iniciou na tarde da segunda-feira, 11, com fortes ventos e o temporal que foi registrado no município.

Até a noite da quarta-feira, dia 13, o último comunicado da RGE apontava que 10 mil clientes ainda estariam sem abastecimento na área de concessão. No interior de Bento Gonçalves são várias as reivindicações e localidades como: Linha Veríssimo de Matos, São Valentim 96, comunidade de São Luis das Antas, Linhas Ferri e Jaboticaba, São João Nepomuceno, continuam sem luz até a manhã desta quinta-feira.

O Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Bento Gonçalves, com área de abrangência em Monte Belo, Santa Tereza e Pinto Bandeira (STRBG), recebeu diversas reivindicações de produtores. Por esta razão, agendou uma reunião para segunda-feira, dia 18, às 14h, na sede da entidade. O objetivo é diante das demandas dos agricultores, criar uma comissão e formalizar um posicionamento até o MP (Ministério Público).

Com ventos que ultrapassaram os 250 km/h em algumas localidades, a rede de distribuição de energia elétrica da RGE, que atende 255 municípios gaúchos, foi bastante afetada com danos diversos, tais como fios rompidos, transformadores avariados, equipamentos e postes quebrados, inclusive de concreto. A destruição se espalhou por centenas de cidades atendidas pelas duas distribuidoras. A maior parte, cerca de 80%, causada por árvores que caíram sobre a rede elétrica.

 

Fonte: Central de Jornalismo da Difusora