SMMAM orienta quanto ao reaproveitamento de óleo de cozinha usado em Bento

secretaria-meio-ambiente

O Projeto Reaproveitamento do Óleo de Cozinha Usado é uma das ações da Secretaria de Meio Ambiente, que busca aliar a preservação do ambiente com a sustentabilidade econômica da região. Este projeto tem como objetivo a destinação correta do óleo de cozinha usado, trazendo benefícios ambientais e econômicos.

Bento Gonçalves conta com diversos pontos de recebimento do óleo de cozinha usado, distribuídos em mais de 50 postos de recolhimento. Esses locais recebem o resíduo devidamente acondicionado em garrafas PET, que serão esvaziadas em bombonas, para posterior recolhimento. Ao encaminhar seu óleo de cozinha usado, você estará garantindo um destino ambientalmente correto a esse resíduo, que poderá ser encaminhado a ONG’s para produção de sabão ou ser empregado na produção de biodiesel.

A listagem dos pontos de recebimento do óleo de cozinha usado está disponível no site da Prefeitura de Bento Gonçalves (www.bentogoncalves.rs.gov.br), na aba Cidadão – coleta de lixo – Óleo de cozinha usado.  Mais informações pelo Fala Cidadão (0800-979-6866).

Como armazenar:

– Despeje as sobras de óleo em uma garrafa PET. Quando a garrafa estiver cheia leve-a até um dos pontos de recebimento.

– Reutilize a garrafa para armazenar o resíduo novamente.

Danos causados pelo óleo de cozinha ao meio ambiente:

– um litro de óleo é suficiente para contaminar cerca de um milhão de litros de água;

– despejado nos rios e mananciais, compromete a cadeia alimentar, afetando gradativamente a vida aquática;

– quando depositado no solo, o óleo tem a capacidade de impermeabilizá-lo, dificultando o escoamento da água da chuva e contaminando o lençol freático;

– nos encanamentos pode causar entupimentos e rompimento da tubulação;

– a destinação correta do óleo de cozinha usado traz benefícios ambientais e econômicos, gerando empregos nas usinas de biocombustíveis e na fabricação de sabão.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social