Região da Serra retorna para a bandeira vermelha na classificação preliminar do distanciamento controlado

A região de Caxias do Sul (Serra) obtém a mensuração novamente de bandeira vermelha, após classificação preliminar em mais uma rodada do distanciamento controlado. Na última rodada, a região obteve a redução de bandeira para laranja após as análises de recursos pelo Gabinete de Crise.

A região segue agravada pelos dois indicadores de Incidência de Novos Casos sobre a População, pela Capacidade de Atendimento da macrorregião e, assim como as demais regiões Covid-19, pelo impacto da bandeira preta no indicador de Capacidade de Atendimento e de bandeira vermelha no indicador de Mudança da Capacidade de Atendimento mensurada pelo Estado como um todo.

O indicador de hospitalizações confirmadas para Covid-19 registradas nos últimos sete dias permaneceu praticamente estável, passando de 83 na semana anterior para 82 na atual. Porém, mesmo que o avanço da doença tenha reduzido na velocidade, os valores permanecem crescentes, com o número de internados por SRAG em UTI (de 78 para 90), o número de internados em leitos clínicos Covid-19 (de 59 para 67) e de internados em leitos de UTI Covid-19 (de 59 para 69) crescendo.
Indicadores de incidência de novos casos sobre a população – “Hospitalizações confirmadas para Covid-19 em relação à população” e “Projeção de óbitos em relação à população” – mantiveram situação de maior risco: bandeira preta em ambos, mesmo com a pequena redução nos valores do indicador.

Por fim, o indicador de leitos de UTI livres dividido pelo de leitos de UTI ocupados por pacientes Covid-19, mensurado para a macrorregião, atingiu situação de bandeira preta (com 1,23 leitos de UTI adulto livre para cada leito de UTI adulto ocupado por Covid-19 na região). Esse indicador sinaliza para um aumento na ocupação de leitos de UTI por pacientes Covid-19, já que a região manteve o número de leitos de UTI livres no último dia praticamente estável entre as duas semanas (de 84 para 85).

Leia mais: https://estado.rs.gov.br/com-nove-novas-regioes-em-alto-risco-rs-chega-a-15-bandeiras-vermelhas-no-mapa-preliminar-da-10-rodada

Fonte: Palácio Piratini