Presidente da Câmara de Bento, Pasqualotto fala em retomada da economia e crédito para autônomos e MEIs

Vereador usou da tribuna para apresentar seu novo anteprojeto de lei: Plano Municipal de Microcrédito Emergencial, enviado ao Poder Executivo

A retomada da economia e crédito para autônomos e MEIs foram os assuntos abordados pelo vereador Rafael Pasqualotto (Progressistas) na sessão ordinária dessa segunda-feira(1º). Ao fazer seu pronunciamento em tribuna, o vereador externou preocupação com a recessão da economia, observando as notícias divulgadas pelo Comitê Estadual de Combate ao Covid-19 prevendo que o pico do coronavírus seria final de julho ou agosto.

Ao mencionar o Comitê Estadual de Combate ao Covid-19, Pasqualotto pediu que além do foco na saúde, o comitê saísse de quatro paredes para observar a situação desesperadora das famílias. O comitê precisa andar no comércio, nas casas e falar com os cidadãos. “Temos que proteger a vida e a saúde, sentimos pelos que foram vítimas sim, mas também precisamos olhar para a economia e para as famílias que precisam do seu sustento, é preciso olhar para o pequeno empresário que está fechando as portas”, pontuou o parlamentar.

O anteprojeto sugere ao Poder Executivo, que disponibilize uma linha de crédito aos microempreendedores individuais, microempresários e autônomos, com um período de 12 meses de carência para iniciar o pagamento. “É importante dizer que o foco do anteprojeto, foi os pequenos negócios que tiveram suas atividades cessadas. Posso citar o setor de entretenimento, as creches, os garçons, fotógrafos, cabeleireiros, decoradoras, organizadores de eventos, enfim, uma gama de profissionais autônomos que precisam buscar alternativas para não gerar ainda mais desempregos”, alertou Pasqualotto.

Por se tratar de um anteprojeto, os critérios para o acesso a esse crédito deverá ser disponibilizado e definido pelo Poder Executivo.

Fonte: Assessoria de Comunicação