Prefeitura de Bento oficializa doação de terreno do novo presídio ao Estado

A Prefeitura de Bento Gonçalves oficializou nesta terça-feira, 30, a doação ao Estado da área que vai receber o novo presídio da cidade. O processo de doação iniciou em 2004 com a desapropriação do terreno, localizado na Linha Palmeiro, em São Pedro. Desde 2008, foi repassado ao Estado e agora teve a transferência de titularidade oficializada. O termo formaliza a doação da área de 143,750 mil m².

A assinatura foi realizada no gabinete do prefeito, em um evento sem a presença da imprensa, pelo prefeito Guilherme Pasin e com o secretário de Modernização Administrativa e dos Recursos Humanos, Raffaele Marsiaj Quinto Di Cameli.

Também estiveram presentes o presidente da Câmara de Vereadores, Moises Scussel Neto, líder de Governo, vereador Eduardo Viríssimo, secretários de Segurança, José Paulo Marinho, de Administração e Governo, Enio De Paris, presidentes do Consepro, Laercio Pompermayer, do Conselho Comunitário, Regina Zanetti, diretor do Presídio, José Marcio da Rosa Oliveira e José Oro.

O Governo do Estado confirmou que a falta de interessados em um dos imóveis do Daer, em recente leilão, não mudou os planos de troca a construção com a iniciativa privada. O imóvel onde fica a sede da superintendência regional do Daer em Bento Gonçalves e que se localiza na Rua Eugênio Valduga, bairro São Francisco, não foi arrematado e irá para uma segunda alienação. O imóvel está avaliado em R$ 25,2 milhões.

O atual Presídio Estadual fica na área central de Bento Gonçalves e tem capacidade para 62 presos, mas opera com superlotação. Já a nova casa prisional terá capacidade para 450 detentos no regime fechado e deve custar cerca de R$ 27 milhões.

 

 

Fonte: Central de Jornalismo da Difusora com informações do site da Prefeitura de Bento