Polícia prende suspeito de morte de empresário em Bento

cbefb9ea-a483-4ab9-acba-c1bd5d9e9609

A equipe de investigação da 2ª Delegacia de Polícia de Bento Gonçalves, com apoio de agentes da 1ª DP, prendeu na tarde desta quarta-feira (10) um homem com suspeita de envolvimento no latrocínio que resultou na morte do empresário Gregório Bruschi. A vítima foi alvejada durante um assalto em um dos seus supermercados no bairro Botafogo, no dia 6 de setembro, vindo a falecer no dia 9 de setembro.

O suspeito de 39 anos estava escondido no interior de uma residência na rua José João Tomedi, bairro Fenavinho. O acusado, inclusive, é foragido da Justiça.

Relembre

Um homem armado acessou um mercado localizado na Travessa Guaporé, bairro Botafogo, por volta das 19h15min, com o intuito de efetuar um roubo. Foi quando o sócio-diretor percebeu algo diferente, se deparou com o indivíduo e correu, sendo ferido com disparo de arma de fogo na coxa esquerda.

Gregório Bruschi foi socorrido na ocasião pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), onde os socorristas fizeram o possível para levá-lo ainda com vida até a Casa de Saúde.

Ele chegou a passar pelo bloco cirúrgico e desde então inspirava cuidados. O bandido fugiu depois de atirar e não levou nada do estabelecimento.