Pesquisa apura satisfação dos serviços de saúde da UPA 24H em Bento

A Faculdade da Serra Gaúcha (FSG) em Bento Gonçalves desenvolveu uma pesquisa de satisfação dos serviços de saúde da UPA (Unidade de Pronto Atendimento 24H) e comparou com o Hospital Tacchini. O levantamento foi coordenado pelo professor do Curso de Gestão, Vinicius Zanchet de Lima, realizado entre 10 de julho e 20 de dezembro de 2019. A iniciativa não foi encomendada por nenhum órgão e deu-se através da disciplina de Pesquisa Mercadológica onde são aplicadas pesquisas nos mais diferentes ramos.

Foram ouvidos 253 pacientes e/ou acompanhantes, 137 mulheres e 116 homens. O questionário de perguntas foi aplicado 60% dentro da própria UPA e o restante em outros ambientes como em bairros, ruas e até supermercados.

O trabalho apresentou respostas como a satisfação geral com a UPA, que de acordo com os entrevistados, chegou a 71,9%. O montante de 78,3% foi atingido quando a pergunta era sobre a confiança na Unidade de Pronto Atendimento. Sobre o tempo de espera 80,3% responderam ser satisfatório.

A mesma pesquisa perguntou sobre o Hospital Tacchini com o intuito de realizar uma comparação. O entrevistado podia responder se o atendimento da UPA era pior, igual ou melhor que do Hospital, bem como a comparação com o grau de satisfação. A média de pessoas satisfeitas com a UPA foi de 4,05 enquanto do Tacchini foi de 3,81.

Em relação ao tempo de espera para serem atendidos pelo médico os resultados apresentaram que 48,8% dos entrevistados consideram igual entre os dois locais. Já 27,7% dos respondentes acreditam que o tempo de espera da UPA é menor.

A Assessoria de Imprensa do Tacchini informou que a instituição atende não somente a saúde pública como a UPA, além de uma gama de convênios que gera uma demanda maior de pessoas.

“A grande resposta é que os usuários estão satisfeitos com o serviço público de saúde, embora os indicadores não tenham sido tão altos. Pedimos ainda sugestões no questionário e encaminhamos para a Secretaria de Saúde analisar”, comentou o professor, em entrevista para Rádio Difusora.

Ele salientou que para os acadêmicos teve uma importância fundamental no relacionamento da teórica com a prática.

É possível ter acesso à pesquisa na própria Faculdade. Mais informações no www.fsg.edu.br ou no 54-3003-1189.

 

Fonte: Central de Jornalismo da Difusora