Pasin confirma desistência de pré-candidatura ao Piratini

thumb

Em reunião do diretório estadual do Partido Progressista (PP), foi confirmada na noite desta segunda-feira, 5, que até 15 de março a sigla se desvinculará formalmente da base de sustentação ao governo de José Ivo Sartori (PMDB).

Foi definido ainda por integrantes do diretório e da executiva, a pré-convenção, na qual escolherão um candidato para concorrer a governador, em 24 de março.

A reunião iniciou com três postulantes a candidato ao Piratini: o deputado federal Luiz Carlos Heinze, o prefeito de Bento Gonçalves, Guilherme Pasin, e o empresário Antônio Weck. Em meio as discussões, Pasin anunciou a desistência.

Atualmente, o PP comanda a Secretaria de Agricultura, com Ernani Polo, a Secretaria de Transportes, com Pedro Westphalen, ambos deputados estaduais, além da presidência do Instituto de Previdência do Estado (IPE), com Otomar Vivian.

Fonte: Central de Jornalismo da difusora com informações do Correio do Povo