Oficina “Imagens do Tempo” proporciona uma imersão na história e cultura de Bento Gonçalves

Quais foram as transformações históricas e culturais que Bento Gonçalves passou? Quais foram as primeiras imigrações que chegaram na até então denominada Cruzinha? Como a cidade se tornou símbolo de desenvolvimento econômico e social? Como as suas paisagens , urbanas e rurais, se modificaram durante os seus 131 anos de emancipação política?

Tudo isso e muito mais será conhecido por meio da oficina “Imagens do tempo: cultura, patrimônio e visualidades do acervo do Museu do Imigrante”, que está com inscrições abertas gratuitas. O curso tem quatro encontros, às terças-feiras, das 19h às 21h e conta com os protocolos sanitários vigentes nos Decretos estadual e municipal para a sua realização.

Ministrado pela historiadora e doutora em História, Cristine Tedesco, a ideia da oficina é realizar um percurso por meio do acervo histórico do Museu do Imigrante. Através da análise das imagens de diferentes suportes, como estampas, fotografias, esculturas, mobiliária e objetos do acervo, será explanado sobre a constituição identitária da cidade e de seus atores sociais.

Assim, os principais conteúdos discutidos na oficina são fundamentados na iconografia das coleções do Museu do Imigrante, com destaque para: imagens paisagísticas, representação de cenários, indumentárias, figura humana, natureza morta, iconografia religiosa e arquitetura.

De acordo com Cristine, “a oficina promove uma postura crítica a respeito do acervo visual e histórico do Museu do Imigrante, contribuindo para fortalecer noções de pertencimento, evidenciando transformações e permanências nas manifestações que expressam identidades culturais. Penso que este curso de educação patrimonial será de grande valor para a preservação do acervo, tanto no que se refere ao conhecimento construído ao longo das aulas, como também seus possíveis desdobramentos em futuros projetos de restauração de imagens e exposições”, ressalta.

 

Programação:

1. Questões introdutórias – valorização e preservação dos patrimônios visuais do Museu do Imigrante.

2. Conhecendo as coleções do acervo – apresentação de distintos suportes de imagens: estampas, fotografias, esculturas, mobiliário e objetos do acervo.

3. Análise de temas representados nas imagens do acervo: figura human, indumentárias, iconografia religiosa, arquitetura, representação de cenários, imagens paisagísticas e natureza-morta.

4. Apresentação de trabalhos de análise, com aplicação dos conhecimentos discutidos no decorrer do curso.

A Oficina “Imagens do tempo: cultura, patrimônio e visualidades do acervo do Museu do Imigrante” foi premiado e financiado pelo Edital PremiArte 2020, da Secretaria Municipal de Cultura de Bento Gonçalves e do Conselho Municipal de Política Cultural. E conta com o apoio do Museu do Imigrante e Ártemis – História, Arte e Cultura.

 

Serviço

O que: Oficina “Imagens do tempo: cultura, patrimônio e visualidades do acervo do Museu do Imigrante”

Período: 09 a 30 de Novembro de 2021

Horário: das 19h às 21h – terças-feiras

Local: Museu do Imigrante – Rua Herny Hugo Dreher, 127, bairro Planalto

Inscrições no link https://forms.gle/HhjAsNkM1twbzD9Q9

 

Fonte: Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura
Arte: Divulgação/ Oficina “Imagens do tempo: cultura, patrimônio e visualidades do acervo do Museu do Imigrante”

(RM)