Observatório da Saúde confirma novo recurso contra a bandeira vermelha na região da Serra

O Observatório Regional da Saúde Macroserra (OBSAÚDE), emitiu uma nota oficial sobre o retorno da região para a bandeira vermelha no modelo de distanciamento controlado do governo do estado, logo após a divulgação da classificação preliminar da 9ª rodada.

A nota informa, que assim como aconteceu na última semana, onde a região também havia sido classificada preliminarmente na bandeira vermelha, haverá recurso por parte dos municípios para que se mantenha a bandeira de cor laranja na região. Segundo o Comitê Estratégico do OBSAÚDE, a região da Serra tem “capacidade de  enfrentamento da pandemia pelos esforços que tem desprendido. Espera-se que tais argumentos mantenham a macrorregião em “bandeira laranja”.

O OBSAÚDE, crado por Associações de Municípios e Conselhos Regionais de Desenvolvimento que integram a 5ª Coordenadoria Regional da Saúde e CICs Serra, tem o objetivo de monitorar diariamente os indicadores do modelo de Distanciamento Controlado, conforme metodologia da Secretaria Estadual da Saúde, possibilitando, aos municípios, tomar decisões e atuar rapidamente em estratégias de saúde que visem reduzir a expansão da pandemia do novo Coronavírus, nos 49 municípios da região.

Confira a nota na íntegra:

O Comitê Estratégico do OBSAÚDE, que acompanha diariamente a situação dos indicadores que submetem as regiões do RS aos índices determinantes da “cor da bandeira” indicando o comportamento da pandemia, bem como a capacidade de atendimento hospitalar, esclarecer o seguinte:

– Esta é a segunda semana de “bandeira vermelha” na macrorregião. Na última semana, ingressamos com consistente recurso que, analisado pelo Governo RS, nos possibilitou que as atividades produtivas continuassem atuando no padrão de “bandeira laranja”. Aqui vale ressaltar o grande esforço conjunto que a região tem feito para ampliar a capacidade de atendimento na área da saúde, ampliando de 193 leitos de UTI para 242 em apenas duas semanas.

– Os indicadores da semana de 26 de junho a 02 de julho colocam a macrorregião, novamente, na “bandeira vermelha”.

Na quinta feira apresentamos diversas sugestões para aperfeiçoamento do Modelo de Distanciamento Controlado no sentido de aproximá-lo com maior segurança à realidade fática das regiões.

– Identificou-se importantes argumentos a serem apresentados ao Comitê de Indicadores do Gabinete de Crise do Governo RS, cujo recurso será apresentado neste sábado. Demonstraremos de maneira muito clara e enfática a capacidade da Região da Serra de  enfrentamento da pandemia pelos esforços que tem desprendido. Espera-se que tais argumentos mantenham a macrorregião em “bandeira laranja”.

– Encarecemos, no entanto, que cada município, através do Poder Executivo e Legislativo, das instituições representativas da sociedade civil, empresarial e de trabalhadores se associe às campanhas do Governo RS no sentido de aprofundar o compromisso da sociedade com o isolamento social visando conter a propagação da covid-19.

– Entendemos que TODA SOCIEDADE é responsável pelo agravamento das condições de propagação da pandemia e, portanto, pelas restrições impostas aos setores produtivos.

– Aproveitamos para enaltecer a ação dos Prefeitos, Secretários Municipais da Saúde, Entidades Empresariais, Instituições e os profissionais vinculados à saúde pela ação ininterrupta em prol da saúde da macrorregião.

– Permanecemos monitorando os indicadores da covid-19 e aguardando o resultado da análise do recurso que reivindica a manutenção da “bandeira laranja”.

Fonte: OBSAÚDE