Na Semana do Rock, Tributo a Raul Seixas lota Fundação Casa das Artes em Bento

raul10

Mais de 400 pessoas lotaram o Anfiteatro Ivo Antônio da Rold, na Fundação Casa das Artes de Bento Gonçalves para curtir os sucessos do Maluco Beleza, Raul Santos Seixas, o Raulzito, interpretados pelo cover Rodrigo Seixas e banda Triplinz, na noite de quinta-feira, dia 12.

O publico foi embalado por sucessos como SOS, O Trem das Sete, Metamorfose ambulante, Quem não tem colírio usa óculos escuros, o carimbador maluco, Medo da chuva, Gita, Sociedade Alternativa, entre outros.
Há 20 anos, Rodrigo dos Santos trabalha como cantor e desde 2001 como cover de Raul Seixas – de lá para cá assina o seu nome artístico como Rodrigo Seixas. O artista revive nos palcos os melhores momentos do “Maluco Beleza”, com ênfase na fase mais jovem de Raul, mas sem se esquecer dos grande clássicos.

Ele falou à reportagem após o show e destacou de como Rodrigo dos Santos virou o Rodrigo Seixas, “eu sempre fui muito fã de Raul, nunca me imaginei fazendo um cover dele, mas, as coisas aconteceram de uma maneira muito rápida, a banda tinha um projeto de Raul e quando eu vi já era tudo Raul”.

O evento foi uma promoção do Sistema Fecomércio e SESC/RS, com apoio da Secretaria de Cultura, alusivo a semana do Rock, que tem como data oficial, esta sexta-feira 13 de junho. O gerente do Sesc Bento fala de como surgiu a iniciativa “eu havia visto o show ano passado e gostei muito, achei mesmo um cover excelente do Raul e joguei a ideia pra Cristina, nossa agente de cultura que trouxe ele, apostamos e deu muito certo”.

Criado pelo Sistema Fecomércio-RS em 2007, o programa reúne todas as atividades culturais desenvolvidas pelo Sesc no Rio Grande do Sul, entre teatro, música, artes plásticas, literatura e cinema. Além de promover uma intensa troca de experiências e ampliar o acesso à produção artística, o Arte Sesc busca ser reconhecido como promotor de ações culturais no Estado, sendo elas não só apresentações artísticas, mas também de caráter formativo e educacional, orientadas por três eixos: transversalidade, diversidade e acessibilidade.

Fonte e fotos: João Paulo Kolassa