Movergs solicita ao Governo do Estado do RS aumento no prazo de pagamento do ICMS

Medida visa amenizar impacto negativo nas indústrias de móveis gaúchas em função do enfrentamento da pandemia do COVID-19

Diante do cenário de incertezas por conta da pandemia do COVID-19, a Associação das Indústrias de Móveis do Estado do Rio Grande do Sul (Movergs) encaminhou nesta quinta-feira, 19 de março, ofício ao governador do Estado do RS, Eduardo Leite, solicitando o aumento no prazo do pagamento do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para as indústrias moveleiras.

No documento, o presidente da Movergs, Rogério Francio, reitera que a medida se torna urgente e imprescindível para o setor, visto que os empresários temem pelo fechamento das portas de aproximadamente 2,7 mil indústrias, obrigando a dispensar milhares de funcionários. “Isso ocasionará queda substancial na produção de móveis, afetará as vendas e, consequentemente, o faturamento dos negócios sobremaneira de pequenas, médias e grandes empresas do Estado”, aponta.

Francio ressalta ainda que o setor também está muito preocupado com a situação enfrentada no momento, compreende as medidas, mas pede apoio ao Governo do Estado para a sustentabilidade das indústrias, que além de gerarem 31,8 mil postos de emprego, produziram em 2019 aproximadamente 81 milhões de peças.

Fonte: Adri Silva Comunicação