Moradores reclamam de mau cheiro e da mortandade de peixes no Lago Fasolo em Bento

Mais uma vez a mortandade de peixes no Lago Fasolo, bairro Progresso, em Bento Gonçalves, causa transtornos e dor de cabeça para moradores do local. Na manhã desta terça-feira, a reportagem da Rádio Difusora esteve no local e conversou com moradores que reclamam do mau cheiro que vem do lago e dos peixes mortos.

Entre as espécies estão jundiás, lambaris e cascudos. Não é a primeira vez que a mortandade de peixes é registrada no local, e esse último caso já tem dois dias, segundo moradores. Um dos motivos conforme ocorrências policiais registradas nos últimos anos, seria o lançamento de efluentes provenientes de esgoto sem tratamento.

A Associação Riograndense de Proteção ao Meio Ambiente e ao Animais (ARPA), frequentemente tem recebido chamadas de denúncias no local, e em outra oportunidade informou da existência de um acordo entre Prefeitura, empresa privada e Ministério Público para tratamento do local.

Em 2013 foi feito um acordo entre Prefeitura, a empresa responsável pelo Lago e a Corsan. Na época o Ministério Público definiu que a Corsan daria prosseguimento ao serviço. Apesar de o espaço ser da iniciativa privada é dever da companhia, conforme acordo, a canalização do esgoto das residências próximas, para evitar o despejo de efluentes no local.

Fonte e fotos: PRF