Mais de 300 itens vendidos ilegalmente são apreendidos em Garibaldi

A Prefeitura de Garibaldi, por meio das secretarias da Fazenda e Planejamento, Indústria e Comércio, realiza um trabalho permanente de fiscalização ao comércio ambulante. Em ação realizada na última semana, foram apreendidas 130 panos de prato, 140 anéis, 46 relógios e 14 fones de ouvido, totalizando 330 itens.

A apreensão é sempre realizada após uma advertência precedente, quando os vendedores são notificados sobre a ilegalidade da prática sem autorização municipal e nota fiscal dos produtos. Se o ambulante é visto novamente vendendo, suas mercadorias são confiscadas. O vendedor tem 48 horas para retirar os produtos, caso apresente nota fiscal de origem lícita e pagamento de multa.

Denúncias sobre comércio ilegal ambulante podem ser feitas pelo telefone (54) 3462-8289.

Apoio de entidades empresariais
A fiscalização contra a venda de produtos por ambulantes é uma demanda muito cobrada à Administração Municipal pelos comerciantes locais, uma vez que os estabelecimentos pagam impostos, além de funcionários e aluguel, e os ambulantes ilegais oferecem produtos sem procedência.

O assunto foi tema de reunião no Gabinete do Prefeito no início do ano, quanto representantes da Câmara de Indústria e Comércio (CIC), Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e Associação de Pequenas e Médias Empresas (Apeme) concordaram em planejar medidas para inibir a presença dos ambulantes do município, conscientizando seus associados e a população sobre os prejuízos da comercialização ilegal.

 

Fonte: Prefeitura de Garibaldi