Live “Humanização no Espaço Escolar” debateu o acolhimento e a empatia em Bento

Nesta quinta-feira, a Secretaria de Educação promoveu a live “Humanização no Espaço Escolar”, com a pedagoga, especializada em prevenção e posvenção, facilitadora e instrutora de Justiça Restaurativa e Círculos de Paz, Katiane Boschetti da Silva.

Por meio de dois questionamentos, qual a sua melhor/mais difícil lembrança relacionada com o ambiente escolar, Katiane colocou que um das características primordiais é o acolhimento e a empatia: “temos que ampliar o nosso olhar para o outro e perceber que todos são seres holísticos. Isso proporciona uma amplitude na comunicação pedagógica e vai além dela. É claro que a Educação precisa inserir as mudanças de forma que compreenda as motivações e angústias das gerações de alunos que o educandário recebe”.

A escola deve ser um espaço saudável, onde o aluno é parte integrante juntamente com a equipe diretiva, funcionários e professores. E estes são mediadores que estabelecem os vínculos sensíveis com os alunos a rede escolar. Desta forma, emerge as inter-relações as quais trazem uma polissemia que percebe que cada um é diferente do outro, com suas limitações e qualidades, personalidade e caráter.

E um educandário que possui em sua proposta pedagógica princípios humanos consegue alcançar resultados mais positivos e bom desempenho. Katiane evidencia que os vínculos dentro de uma rede onde se tem a instituição escolar, equipe diretiva, grupo docente, alunos e seus familiares: “se constroem a partir de relacionamentos saudáveis entre professores/professores, professor/aluno e aluno/aluno e como eles influenciam a cognição. Uma escola que tem princípios humanos alcança resultados mais positivos e bom desempenho”.

A secretária de Educação, Iraci Luchese Vasques, ressalta que o encontro proporcionou reflexões necessárias ao profissional da Educação: “a humanização possibilita a realidade possível de uma relação plena. Sua abordagem pode transformar o educandário na segunda casa do aluno da forma que este sinta-se sempre motivado de freqüentar as aulas, conversas com os coleguinhas, falar com a merendeira, dizer bom dia para o porteiro. É nesta construção diária que é a escola a fonte que forma cidadãos”.

A live “Humanização no Espaço Escolar” pode ser visualizada por meio deste link: https://bit.ly/2Xe0Ygt

Fonte: Assessoria de Comunicação Social

Fotos: Divulgação/SMED