Inicia greve do Samu e Bombeiros socorrem vítima de espancamento em Bento

Uma situação atípica chamou a atenção na noite desta segunda-feira, 13, em Bento Gonçalves. Por volta das 20h30min um jovem de 22 anos sofreu espancamento na Rua Marcolino Passarin, Fenavinho, com cortes profundos e costelas fraturadas. Foi então tentado acionar o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) para os primeiros socorros, por mais de 40 minutos, sem êxito.

O Corpo de Bombeiros compareceu para o resgate e encaminhou a vítima, que não soube informar o motivo do fato, para o Hospital Tacchini.

A Brigada Militar também tentou apurar a razão e confirmou-se o início de greve do Samu nesta segunda-feira. A decisão parte da Central Reguladora em Porto Alegre, que está sem telefonista e rádio operadores. A principal causa da paralisação é a falta de pagamento de salário e passagens. A greve iniciou por volta das 19h e os comunicados não são efetuados, não sendo possível acionar médicos.

 

Fonte: Central de Jornalismo da Difusora