FSG discute a arquitetura nas áreas de vulnerabilidade social

logotipo_inicio

1ª Jornada de Arquitetura Social da Serra Gaúcha pretende ampliar o direito à assistência técnica para construções de habitações

Uma pesquisa recente realizada pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU-BR) apontou que 85% dos brasileiros constroem e reformam sem a orientação de arquitetos e urbanistas. Esse é um dos argumentos que pautam a 1ª Jornada de Arquitetura Social da Serra Gaúcha, que será realizada pelo Centro Universitário da Serra Gaúcha (FSG) de 8 a 13 de dezembro.

Entre os objetivos específicos do evento está o de orientar acadêmicos e profissionais sobre a Assistência Técnica em Habitação de Interesse Social (ATHIS) a fim de levar arquitetura de qualidade para comunidades em vulnerabilidade social. O evento é uma realização do curso de Arquitetura e Urbanismo da Instituição.

Tendo como público-alvo arquitetos e urbanistas e acadêmicos dos cursos de graduação em Arquitetura e Urbanismo, a Jornada busca sensibilizar a comunidade e os profissionais da área para aspectos profissionais e sociais da assistência técnica. Para tanto, oferece uma série de oficinas e palestras (confira programação completa abaixo) que exemplificam a realidade social e habitacional de certas regiões e comunidades. Também será desenvolvido um projeto real para uma entidade da região através da execução de um projeto arquitetônico em forma de Mutirão de Assistência Social (MAS).

A Jornada pretende sensibilizar as comunidades e prefeituras para aplicação da Lei Federal Nº 11.888/2008, que assegura às famílias de baixa renda assistência técnica pública e gratuita para o projeto e a construção de habitação de interesse social. Com base no entendimento de que um espaço digno é condição essencial para o desenvolvimento pessoal e para uma vida íntegra, pretende-se causar um impacto positivo, amplo e de longo prazo na vida de comunidade em vulnerabilidade social, através de qualificação pela arquitetura.

PROGRAME-SE

Dias 8 e 9, das 8h às 17h

Oficinas do Mutirão de Assistência Social (MAS), com técnicas de construção sustentável para famílias em situação de vulnerabilidade social. A supervisão será feita por arquitetos egressos da primeira turma de formandos do Curso de Arquitetura e Urbanismo da FSG.

Local: Centro de Convívio Laços da Amizade – Rua Darcy Salvador, ao lado da Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Pioneiro

Público-alvo: arquitetos e urbanistas, engenheiros civis, estudantes e comunidade interessada em habitação de interesse social

Dia 13

– 16h: Oficina Compreendendo as Complexidades Socioambientais para ATHIS, com a arquiteta Mariana Estevão de Souza

Público-alvo: arquitetos e urbanistas, engenheiros civis, estudantes e comunidade interessada em habitação de interesse social

– 19h: Palestra ATHIS para Melhorias Habitacionais – A Experiência do Projeto Arquiteto de Família, com a arquiteta Mariana Estevão de Souza, da ONG Soluções Urbanas.

Local: sala 233 – sede da FSG Campus Sede da FSG (Rua Marechal Floriano, 1229 – Caxias do Sul)

Público-alvo: arquitetos e urbanistas, engenheiros civis, estudantes e comunidade interessada em habitação de interesse social

Evento aberto ao público

Mais informações: www.fsg.br