Expositores da FIEMA Brasil 2018 trazem novidades em gestão ambiental

fiema2

Soluções apresentadas no encontro de negócios prometem tornar empresas mais sustentáveis e, principalmente, competitivas com a aplicação de novos conceitos no processo produtivo

No mundo competitivo dos negócios, diferenciais que promovam eficiência produtiva significam oportunidade para as empresas terem maior lucro. A Fiema Brasil – feira de negócios, tecnologia e conhecimento em meio ambiente – vem se notabilizando por apresentar, diante de um cenário cada vez mais competitivo, soluções sustentáveis que ofereçam novos patamares de industrialização e possibilidades de mercado, contemplando desde alternativas para linhas de produção menos onerosas até operações com baixos índices de desperdício.

De 10 a 12 de abril de 2018, empresas de diferentes segmentos estarão mostrando – e também conhecendo – iniciativas assim no Parque de Eventos de Bento Gonçalves, onde ocorre a feira. Além de oferecer a oportunidade de atualização quanto a tecnologias ligadas à gestão ambiental, a Fiema é percebida pelos participantes como uma grande vitrine para exposição de marcas e conceitos. “Trata-se de uma maneira de divulgar nosso produto às indústrias e projetistas de meio ambiente no Rio Grande do Sul. Esperamos ampliar nosso networking com os formadores de opinião e tomadores de decisão nesse segmento”, projeta José Roberto Vasconcellos Junior, gerente comercial da Tecniplas.

A empresa de Cabreúva, interior de São Paulo, produz equipamentos, sistemas e tubulações para indústrias de segmentos diversos como petroquímica e de celulose. Pela segunda vez na Fiema, aproveitará o encontro também de maneira a explorar os conhecimentos técnicos em voga na feira, agregando valor ao produto. “Queremos consolidar e ampliar a consciência com o descarte de resíduos e cuidados com o meio ambiente”, diz Junior.

A AZS Soluções e Tecnologia, produtora de equipamentos para indústrias galvânicas, renova sua participação na feira com foco na projeção gerada por ela. “Participamos pela primeira vez na edição passada e tivemos um bom retorno. Normalmente, é um investimento que se paga com negócios gerados na própria feira, sem falar que se ganha clientes para sempre”, analisa Venâncio Edgar Zulian, do setor financeiro da empresa caxiense.

Também de Caxias do Sul, a Michelon Máquinas e Equipamentos, fabricante de fulões e mulinetas para a indústria curtumeira, entre outros produtos, faz sua estreia na Fiema. Na última edição, em 2016, a empresa participou na condição de visitante. No próximo ano, retorna com a intenção de ganhar mercado – e já pensa na presença em feiras vindouras. “Nossa intenção é apresentar soluções ambientais, assim como buscar novos clientes e diversificação da nossa linha. Feiras sempre possibilitam algo novo, estar presente é algo que pretendemos manter para mostrar inovação e presença de mercado”, comenta o diretor comercial da empresa, Silvio Michelon.

A FIEMA Brasil 2018 espera reunir cerca de 200 expositores de segmentos variados como resíduos, águas, efluentes e energia, entre outros. A comercialização dos espaços está aberta – mais informações podem ser obtidas pelo telefone (54) 3055-8700.

Sobre a Fiema
A Fiema Brasil – feira de negócios, tecnologia e conhecimento em meio ambiente – chega a sua oitava edição em 2018, agendada para ocorrer de 10 a 12 de abril, no Parque de Eventos de Bento Gonçalves (RS). Com previsão de reunir 200 expositores e público visitante de aproximadamente 10 mil pessoas, está consolidada como importante encontro estratégico no segmento de gestão ambiental. Além das oportunidades de negócio, tem uma agenda concomitante de atividades voltadas para a transmissão de conhecimentos na programação de eventos do Fiemacon. Quem assina sua realização é a Fundação Proamb, entidade com mais de 25 anos de atuação em soluções ambientais.

Mais informações podem ser obtidas em http://www.fiema.com.br/

 

Fonte: Exata Comunicação