Esportivo é superado pelo Brasil de Pelotas na terceira rodada do Gauchão 2021

Partida na noite deste sábado (06) terminou com vitória Xavante pelo placar de 1 a 0

Em seu segundo jogo atuando no estádio Montanha dos Vinhedos, o Clube Esportivo Bento Gonçalves conheceu o primeiro revés no Gauchão 2021. Frente ao Brasil de Pelotas, a equipe de Luiz Carlos Winck foi superada pelo placar de 1 a 0. O gol do jogo foi marcado pelo meio-campista Netto.

Com o resultado, o clube permanece na quinta colocação na tabela de classificação – porém, com os demais jogos da rodada a serem realizados. A próxima partida está marcada pela FGF para domingo, dia 14, em confronto com o Grêmio, no estádio Montanha dos Vinhedos. Na sequência, o Esportivo estreia na Copa do Brasil contra o Remo-PA, no dia 17, às 20h, também em casa.

Como foi o jogo

Primeiro tempo

Mais uma vez apostando no 4-4-2, Winck promoveu duas trocas no time titular em relação à equipe que entrou em campo em São Leopoldo: Igor e Warlei entraram no lugar de Jocinei e Wesley, respectivamente. Propositivo, logo aos 4 minutos, o Esportivo teve uma grande chance com Mateus Santana, que acertou uma bomba no travessão: na entrada direita da área, o lateral dominou com espaço e arriscou, quase marcando um golaço. Aos 9 minutos, uma bate-rebate na área, e a bola sobrou para Daniel Cruz finalizar, mas a zaga afastou. Porém, aos 18, André Krobel, do Brasil-Pel, puxou o contra-ataque pela direita, virou o jogo para Netto, que dominou dentro da área, ajeitou para a perna boa e chutou no canto de Anderson, abrindo o marcador. Cinco minutos depois, uma boa falta pelo lado direito da área levou perigo à meta Xavante, obrigando o goleiro Matheus Nogueira a fazer uma grande defesa, após cobrança de Juninho Tardelli.  Nos acréscimos, o Alviazul ainda tentou pressionar com dois chutes de fora da área, um de Balbino e outro de Mateus Santana – ambos sem muito perigo.

Segundo tempo

Se o primeiro tempo iniciou com uma bola do Esportivo no travessão, a etapa final teve mais um carimbado, mas dessa vez na meta alviazul – Krobel arriscou do meio de campo. Porém, uma chance ainda melhor pintou para os donos da casa, logo na sequência. Aos 9, na cobrança de escanteio de Itaqui, Daniel Cruz, livre na pequena área, cabeceou acertando a trave. Novamente de cabeça, mas 20 minutos depois, William, que havia entrado há pouco tempo, também cabeceou livre na área, mas por cima do gol. Na sequência, o meio-campista dominou no lado esquerdo, puxou para a perna direita e soltou a bomba. Matheus Nogueira caiu no canto para espalmar. E a pressão alviazul aumentou. Aos 36, falta próxima da linha da grande área. Jocinei foi para a cobrança, mas mandou por cima da meta. Nos acréscimos, William ainda tentou de dentro da área, mas não adiantou: final, Brasil-Pel 1, Esportivo 0.

O Alviazul entrou em campo com Anderson, Itaqui (Jocinei), Júnior Alves, Igor da Silva e Samuel Balbino; Lucas Hulk, Mateus Santana, Vini Martins (William) e Juninho Tardelli (Emerson); Daniel Cruz e Warlei (Gonzalo).

A arbitragem teve: Árbitro – Anderson Daronco; Auxiliares – Rafael da Silva Alves e Henrique Coromberk; 4º Áribtro – Joseph Ribeiro Lopes.

É possível acompanhar a análise da partida, feita pelo técnico Luiz Carlos Winck, acessando o canal do clube no YouTube (bit.ly/3sWBwtr).

Próximo jogo

O que: Esportivo x Grêmio

Quando: domingo, dia 14, com horário a definir pela FGF

Onde: estádio Montanha dos Vinhedos (com portões fechados)

Como assistir: em imagens, pelo site globoesporte.com/rs

Fotos: Kévin Sganzerla

Fonte: Exata Comunicação