Espetáculo cênico do Santuário de Caravaggio tem captação aprovada pela Lei de Incentivo a Cultura

O projeto Caravaggio: Uma História de Fé, espetáculo cênico que será apresentado no Santuário de Nossa Senhora de Caravaggio, em Farroupilha, teve sua captação pela Lei Rouanet aprovada. O parecer positivo foi publicado no Diário Oficial da União e agora segue para fase de captação de recursos.

O espetáculo, em moldes menores, foi apresentado no final de 2017 na esplanada do Santuário e, desde então, a equipe trabalha para viabilizar uma nova apresentação em formato estendido, com mais recursos técnicos e artísticos. Ainda não há previsão para que a peça ocorra, já que depende de incentivo financeiro.

A equipe do Santuário de Nossa Senhora de Caravaggio, junto da empresa Marca Produções Culturais, de Montenegro, responsável pela execução do projeto, visitará empresas da Serra Gaúcha para buscar apoio no valor aprovado pelo Governo Federal de R$ 199.302,60. Principal mecanismo de fomento à cultura no Brasil, a Lei Rouanet permite que empresas e pessoas físicas destinem, a projetos culturais, parte do Imposto de Renda (IR) devido. “Encontramos nesta alternativa, a Lei Rouanet, uma chance de repetirmos um espetáculo de cultura, religião e história. É claro que a ideia é que saia do papel o mais rápido possível, mas agora contamos com o apoio das empresas da Serra para que abracem o projeto conosco”, conta o reitor do Santuário, padre Gilnei Fronza.

Caravaggio: Uma História de Fé faz uma releitura da aparição de Nossa Senhora de Caravaggio com um grupo de atores profissionais em um espetáculo com duração média de 50 minutos, onde recursos de som, luz, teatro e muita arte retratarão a força religiosa pela Virgem de Caravaggio na Serra Gaúcha.

Estão previstas duas noites de apresentação, além do ensaio geral, que também será aberto ao público, envolvendo mais de 30 atores e outras 20 pessoas na organização. Quem conduz este processo é o diretor da Marca Produções, Cássio Azeredo. “Este espetáculo precisa existir porque essa história permeia toda a região, independente da ligação religiosa das pessoas. É uma história popular, inspiradora, contada de pai para filho, que viajou um continente e se estabeleceu aqui na serra gaúcha”, justifica o diretor do espetáculo.

A exibição em 2017 reuniu mais de 500 expectadores em uma noite marcada pela emoção, religiosidade e encanto. A história da peça se passa há quase 500 anos, quando vivia no pequeno povoado italiano de Caravaggio uma mulher chamada Joaneta, pobre e oprimida pela violência do marido Francesco. Em 26 de maio de 1832, Joaneta, ao ser obrigada por Francesco a ir ao campo colher pasto para os animais, se deparou com Nossa Senhora, que aparecera a ela trazendo uma mensagem de paz e tolerância para todos os homens.

As empresas que desejarem apoiar a ideia podem entrar em contato com o Santuário de Nossa Senhora de Caravaggio, ou diretamente com a produção do espetáculo* pelos telefones: (54) 3260.5166 (Santuário) ou com Cássio pelo [email protected]

 

Fonte: Santuário de Caravaggio