Contratação temporária de 113 profissionais da educação está na pauta da Câmara de Bento

ebc

A contratação temporária e emergencial de 83 professores do ensino fundamental e de 30 educadores infantis está na pauta da Câmara de Vereadores de Bento Gonçalves desta segunda-feira, dia 10. O prazo de atuação é de 10 meses, podendo ser renovado por igual período, caso seja necessário. Se aprovado o pedido do executivo municipal, o próximo passo será a elaboração do edital de chamamento dos profissionais.

Essa solicitação se deve ao fato de contratos temporários que foram feitos no ano passado vencerem em meados do mês de outubro. A informação é da secretária de Educação do município, Iraci Luchese Vasques. “Nós precisamos substituir essas pessoas que terminam o contrato temporário, em virtude de não termos um banco de concursados hoje”, ressalta.

No momento, todo o quadro de profissionais da educação está fechado, conforme ela, sendo a medida uma prevenção para que a rede pública municipal não  fique sem algum profissional. Quase todas as escolas devem receber profissionais oriundos dessa contratação temporária.

Foto EBC/Arquivo