Conselho Tutelar emite nota de esclarecimento quanto a novo pedido de afastamento em Bento

No início da tarde deste sábado, dia 7, o Colegiado do Conselho Tutelar de Bento Gonçalves, emitiu uma nota de esclarecimento com relação a informações que circulam em redes sociais, de uma denúncia com pedido de afastamento da conselheira tutelar Thaís de Matos Magagnin.

Procurado pela reportagem da Rádio Difusora na tarde de sexta-feira, dia 6, a presidência do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (COMDICA), confirmou que foi protocolada denuncia no conselho e que o assunto está sendo repassado para a Corregedoria.

As informações dão conta de que a denúncia teria partido do conselheiro Ari Pelicioli, que no último dia 28 de fevereiro fora afastado temporariamente pelo período de 60 dias após denúncias de má conduta no cargo, por infrações previstas na Lei Municipal 2.829/1999, art. nº 33, incisos I, IV, VI e VII.

Confira a nota na íntegra:

O colegiado do Conselho Tutelar, vem por meio desta nota, esclarecer que as notícias que estão sendo espalhadas sobre desavenças, má relacionamento e brigas entre colegas NÃO SÃO VERDADEIRAS. Infelizmente estamos sofrendo com comentários e ações maldosas dos que não aceitam nossa presença e transparência no Conselho Tutelar.

Nossa conduta de não ser coniventes com quem não cumpre a função, está incomodando e dando margem para informações fraudulentas. O novo colegiado, está unido e trabalhando muito para poder atender toda a demanda. Neste momento Thaís Magagnin, Paulo Ricardo de Souza, Simone Lunelli, Gabriela Ferreira e Silvana Lima que subiu da suplência formam o quadro do novo colegiado.

Pedimos para as pessoas que pensem antes de espalhar informações falsas, pois, isso prejudica muito o trabalho dos conselheiros que estão tentando de todas as formas melhorar o atendimento. Ressaltamos que o Conselho Tutelar buscará ajuda com a Associação Estadual dos Conselheiros Tutelares para que possamos ser orientados e agir dentro da LEGALIDADE.

Nas próximas semanas teremos maiores informações e esclarecimentos. Lembrando que está nota foi pensada em todas as pessoas que exerceram o seu direito de votar e confiam em nosso trabalho. O processo de mudança e melhoria é árduo, pois desacomoda todos os envolvidos, mas o que este Colegiado quer é poder cumprir com maestria a função que nos foi concedida. Obrigado.

Fonte: Central de Jornalismo Difusora