Comércio gaúcho espera movimentar R$ 6,4 bilhões com o Natal

Natal3

Pesquisa da Associação Gaúcha para Desenvolvimento do Varejo (AGV) mostra que os gaúchos devem destinar R$ 6,4 bilhões para a compra dos presentes de Natal. Este valor equivale a 5,2% nominal acima do registrado no mesmo período de 2016.

Cerca de 94,1% dos entrevistados comprarão presentes, sendo que 47,9% presentearão seis ou mais pessoas com um tíquete médio variando entre R$ 70,00 a R$ 100,00 por lembrança.

Conforme o presidente da AGV, Vilson Noer, mesmo com as dificuldades atravessadas neste ano: parcelamento de salários dos servidores, aos poucos os consumidores estão recuperando a confiança, o estado anímico negativo está se dissipando e a economia, mesmo que lentamente, está reagindo. “Estes são fatores que diretamente interferem para que tenhamos uma expectativa muito boa de vendas no comércio gaúcho”.

Entre os presentes preferidos estão roupas (73,5%), brinquedos (49%), calçados, bolsas, perfumes e cosméticos empatados com (26,5%) e livros (20,4%). Na lista de quem os gaúchos presentearão estão os filhos (67,3%); marido/esposa/namorado(a) (61,2%); pai/mãe (55,1%); sobrinhos/afilhados (40,8%).

O levantamento feito pela AGV também aponta que 53,1% dos gaúchos realizarão suas compras na semana do Natal. Para 49% dos entrevistados, o pagamento dos presentes será à vista, 28,6% parcelarão suas compras no cartão de crédito, 14,3% usará o crédito em uma parcela. O comércio de rua será procurado por 67,3% dos gaúchos, principalmente em cidades do interior do Estado; 51% buscarão as lojas de shopping e 20,4% comprarão pela internet.

Como o Natal sempre está diretamente relacionado com solidariedade, quando perguntados se realizam ações para entidades e/ou pessoas e doações, 66% dos participantes da pesquisa afirmaram que sempre realizam uma ação de fim de ano.

Fonte: Associação Gaúcha para Desenvolvimento do Varejo (AGV)