CIC-BG acompanha movimento de contestação à classificação da região como bandeira vermelha

O anúncio de que a região da Serra gaúcha, onde Bento Gonçalves está inserida, retornará à condição de bandeira vermelha no modelo de distanciamento controlado proposto pelo Governo do Estado do Rio Grande do Sul gerou reação imediata. Comprometido com a defesa dos setores da indústria, comércio e serviços – que serão fortemente prejudicados pelas restrições decorrentes da possível confirmação desse cenário – o CIC-BG está engajado em um movimento de contestação à classificação feita pelo governo estadual.

Por meio de sua equipe, a entidade está buscando elementos para contrapor o levantamento estadual, com base nos critérios técnicos e científicos avaliados pelo próprio modelo de distanciamento controlado. Em consonância ao poder público local, o CIC-BG apoiará o recurso a ser apresentado pelo município e região, dentro dos prazos determinados pelo regramento, com o intuito de reverter a classificação da região como bandeira vermelha. “Continuamos defendendo com propriedade e convicção o retorno responsável, que preconiza o cumprimento de todas as medidas protetivas recomendadas pelos órgãos de saúde por parte dos setores produtivos, em respeito ao bem-estar e saúde das pessoas, mas que garante o direito de as empresas trabalharem, sob pena da concretização do caos social decorrente do colapso da economia”, pontua o presidente da entidade, Rogério Capoani.

 

Fonte: CIC/BG