Cerca de 500 crianças e adolescentes retornaram as atividades nos Ceacris de Bento

fotos_2_18

Cerca de 500 crianças e adolescentes retornaram as atividades na última segunda-feira, dia 5, oferecidas pelos Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) / Ceacris de Bento Gonçalves. Conforme informações da Prefeitura Municipal, foram investigados somente em 2017, R$ 1.016.732,72 na manutenção dos serviços.

As crianças e adolescentes encaminhadas às unidades são atendidas quatro vezes por semana com carga horária de oito horas diárias, recebendo oficinas voltadas ao esporte, lazer, arte e cultura, como jiu-jitsu, canto, atividades lúdicas e recreativas. Além disso, os espaços são utilizados para proporcionar situações de convivência e diálogos, exercício de escolha, resolução de conflitos e reconhecimento de limites e possibilidades das situações vividas.

O Poder Público disponibiliza ainda, transporte, café da manhã, almoço e lanche da tarde. “Estamos contentes em receber as crianças e adolescentes, será um ano de viver novamente as ótimas experiências que o ambiente dos SCFV proporciona para cada um. As atividades foram retomadas com um clima de recepção e boas vindas a todos que estão inseridos no serviço. Este ano, já contamos com os todos os recursos humanos, alimentação e transporte. Com estas medidas, os SCFV irão atender de forma integral todas as demandas necessárias”, enaltece o secretário da pasta, Márcio Pilotti.

Durante o período de férias, as seis unidades de Bento Gonçalves, SFCV/Ceacri AABB, Balão Mágico, Carrossel, Sest/Senat e Toquinha da Amizade, e SCFV / Infantil (Ceci), receberam serviços de manutenção e os profissionais foram capacitados. Durante a semana, serão realizadas ações esportivas e didáticas para promover a integração dos jovens.

“Esta primeira semana será de integração e acolhida que visa reforçar o sentimento de pertencimento e o contato com o serviço. No período de férias, os Ceacris receberam melhorias na sua estrutura física, além das coordenações e os educadores sociais as devidas orientações e atividades a respeito do planejamento para o ano de 2018. Esses encontros foram importantes para melhorar o desempenho e a produtividade das equipes para tornar a rotina nos SCFV mais humana e gratificante”, salienta a coordenadora-geral dos SFCV/Ceacris, Rubia Dornelles.

A Secretaria de Habitação e Assistência Social tem como objetivo para este ano, ampliar as oficinas de artes cênicas, dança e xadrez, e com isso oportunizar as crianças e adolescentes, um contato ainda maior com a arte, contribuindo na (re) descoberta do indivíduo de suas múltiplas capacidades e no desenvolvimento do raciocínio lógico, cognitivo e psicológico do indivíduo.

 

 

Fonte: Central de Jornalismo da Difusora com informações do site da Prefeitura

Fotos: Divulgação/SEMHAS