Quem não votou nem justificou ausência deve regularizar situação

Quem não votou nem justificou ausência deve regularizar situação

O eleitor que não votou nem apresentou justificativa no primeiro e segundo turnos do pleito (7 e 28 de outubro) tem 60 dias, a contar de cada turno, para regularizar sua situação junto à Justiça Eleitoral. Para isso, deverá preencher o Requerimento de Justificativa Eleitoral – pós eleição, e escolher de que forma o documento deve chegar ao juiz da zona eleitoral na qual está inscrito: entrega pessoal no cartório, envio pelos Correios ou via internet, por meio do Sistema Justifica. A justificativa deverá ser apresentada para cada turno em que o…

Leia mais

CIC-BG emite parecer em favor da democracia após resultado das Eleições 2018

CIC-BG emite parecer em favor da democracia após resultado das Eleições 2018

Fortemente engajado com o senso de responsabilidade cívica, o Centro da Indústria, Comércio e Serviços de Bento Gonçalves emite manifestação favorável ao exercício da democracia após a conclusão do processo eleitoral de 2018. A entidade avalia que o pleito deste ano assinala uma relevante evolução e amadurecimento da sociedade. “A população pôde se expressar por meio do voto, claramente optou pela mudança e seu desejo foi respeitado. Em nenhum momento a democracia foi colocada em risco, o que é muito saudável para a nação”, aponta o presidente Elton Paulo Gialdi….

Leia mais

Prazo para justificar ausência no segundo turno vai até 27 de dezembro

Prazo para justificar ausência no segundo turno vai até 27 de dezembro

Os eleitores que não compareceram ao local de votação neste domingo (28) e não justificaram a ausência no segundo turno ainda podem regularizar a situação eleitoral até dezembro. Os ausentes do primeiro turno, realizado em 7 de outubro, tem até de de dezembro para justificar por que não compareceram à votação. Para os que se ausentaram no segundo turno, o prazo vai até 27 de dezembro. A justificativa pode ser feita mediante o preenchimento de um requerimento disponível no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que deve ser entregue pessoalmente…

Leia mais

No segundo turno, 4.658 urnas foram trocadas, informa TSE

No segundo turno, 4.658 urnas foram trocadas, informa TSE

O segundo turno das eleições deste ano terminou com um total de 4.658 urnas que apresentaram mau funcionamento e tiveram que ser substituídas. O número é maior do que o registrado no primeiro turno (2.400) e também do que no segundo turno de 2014 (3.480). De acordo com o balanço final divulgado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o número de equipamentos defeituosos representa 0,9% das 454.493 urnas disponíveis neste segundo turno. Em quatro localidades – Cordislândia (MG), Apuí (AM), Saubara (BA) e Magé (RJ) – foi necessária a adoção da…

Leia mais

Eleitos devem respeito e fidelidade à Constituição, diz presidente do STF

Eleitos devem respeito e fidelidade à Constituição, diz presidente do STF

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, afirmou neste domingo (28) que o primeiro ato do presidente eleito é jurar respeito à Constituição. “[O mandatário] deve fidelidade à Constituição Federal, ao Estado Democrático de Direito, aos demais Poderes e às instituições da República”, disse. Toffoli acompanhou a apuração dos votos da eleição para presidente da República na sede do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na companhia de autoridades, entre elas ministros do STF. Logo após o anúncio oficial da vitória de Jair Bolsonaro, ele participou da coletiva de…

Leia mais