Aedes Aegypti: Cotiporã registra novos focos do mosquito

No início deste ano, o Setor de Vigilância em Saúde de Cotiporã recebeu do laboratório LACEN da 5ª Coordenadoria Regional de Saúde do RS, a constatação de larvas do mosquito Aedes Aegypti (Dengue) na armadilha de monitoramento, localizada no centro do município.

A equipe de Vigilância em Saúde e os Agentes Comunitários do município prontamente se mobilizaram para a delimitação do foco em 300 metros de varredura. Após a cuidadosa análise, foram encontrados novos focos do mosquito da Dengue e devido a isso, Cotiporã entrou para a lista de municípios infestados pelo Aedes Aegypti.

“Nas atividades da delimitação de foco, foram encontradas irregularidades em domicílios e terrenos baldios. A equipe de Vigilância e Agentes realizou mutirão de limpeza no local, eliminando materiais que retinham água e descartando os mesmos corretamente.”, afirma o Agente de Endemias de Cotiporã, Adão Wons.

A Prefeitura de Cotiporã, através da Secretaria de Saúde e Assistência Social, Agentes Comunitários de Saúde e Agente de Endemias reforçam a importância da colaboração da população para impedir a proliferação de novas larvas e garantir a saúde e segurança de todos.

Saiba como combater a Dengue:

– Elimine água armazenada de vasos, pneus, garrafas plásticas, piscinas sem uso e sem manutenção, bem como de recipientes pequenos, como tampas de garrafas;

– Realize semanalmente a limpeza de pátios, terrenos e casas;
– Evite a exposição de materiais e utensílios que possam reter água;
– Feche tonéis e caixas com tampas ou telas;

– Mantenha poços antigos bem fechados.
– Separe o lixo orgânico do seco e descarte nos dias e horários corretos;
– Mantenha as calhas em bom estado de conservação para que a água possa escorrer;
– Mantenha os jazidos dos cemitérios limpos e organizados semanalmente;
– Ralos e vasos não usados devem ser tampados e tratados com hipoclorito;
– Piscinas requerem cuidados o ano todo, sendo necessária a lavagem das bordas e o tratamento com cloro. As não usadas devem permanecer cobertas com lona bem esticada, para que a água escorregue e não fique sobre a mesma;

– Mantenha caixas d’água bem fechadas;

– Terrenos baldios devem ser mantidos limpos e sem lixo.

Se sentir os sintomas da Dengue (dor de cabeça forte, febre alta, manchas e coceira na pele, náuseas, cansaço, falta de apetite, entre outros) procure a Unidade de Saúde ou entre em contato pelo 3446-2899.

 

Fonte: Prefeitura de Cotiporã