Ação fiscalizatória identifica venda irregular de ingressos para o amistoso Brasil e Honduras

A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia de Polícia de Proteção ao Consumidor, Saúde Pública e da Propriedade Intelectual, Imaterial, Industrial e Afins (Decon), do Deic, promoveu nesse domingo (9), ação fiscalizatória nas imediações do Estádio Beira Rio, durante o jogo amistoso entre Brasil x Honduras.

Segundo o Delegado Joel Wagner, foram realizadas abordagens, resultando na apreensão de 25 ingressos que eram de venda proibida (OUTROS – venda proibida), quatro máquinas de cartão de crédito e R$ 595,00 em espécie. Cabe destacar que além de não ser permitida a venda, os cambistas ofereciam os ingressos a preços exorbitantes. No total, 13 indivíduos responderão pela prática de crimes previsto no Estatuto do Torcedor com pena de reclusão de 1 (um) a 2 (dois) anos e multa.

Durante a ação, foram identificados 13 cambistas, os quais foram apresentados no Posto Policial da 20ª DP de Porto Alegre e posteriormente no Juizado do Torcedor. Ainda, diversos cambistas foram abordados, revistados e devidamente identificados, não tendo sido localizados ingressos falsificados.

 

Fonte: Polícia Civil