Abrigos de ônibus são implantados em Bento

parada

Com a chegada do inverno, estação em que as chuvas são mais frequentes, as boas condições dos abrigos de ônibus se tornam ainda mais necessárias. Em Bento Gonçalves, espaços desse tipo que necessitam de melhorias, como a implantação de bancos, devem receber reparos. Além disso, em alguns pontos onde não há estrutura, está prevista a instalação.

É o que afirma o secretário de Gestão Integrada e Mobilidade Urbana do município, Amarildo Lucatelli. Até o mês de setembro, 35 novos abrigos devem ganhar as ruas da cidade e também os distritos. Um dos mais recentes foi instalado em frente ao Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS). “Nós estamos centralizando um novo ponto de ônibus  onde há espaço maior para os ônibus e até mais segurança para os usuários”, afirma.

Conforme o secretário, este tipo de trabalho tem sido intensificado. A motivação é oriunda de pedidos da comunidade, de vereadores e de associações de moradores, ainda de acordo com ele. Até o momento, ocorreu a instalação de 12 abrigos. Além da recuperação das estruturas, também são feitos deslocamentos de locais, como é o caso do abrigo que estava próximo à Caixa Econômica Federal, na Marechal Deodoro.

Confira os pontos onde houve a instalação de abrigos

Rua Adelaide Basso Pasquali, bairro Tancredo;
Avenida Osvaldo Aranha em frente ao IFRS;
Rua Maximiliano Sonza, bairro Progresso;
Rua João Goulart, bairro Universitário;
Rua Venceslau Bitencourt, bairro Ouro Verde;
Rua Joana Gabardo Dal Ponte, bairro Caminhos da Eulália;
Avenida Alvi Azul, bairro São Vendelino;
Distrito de Tuiuty em frente a empresa Politorno Móveis;
Rua Luiz Milan, bairro Vila Nova l;
Rua Arlindo Menegoto, bairro Vila Nova ll;
Rua Antônio Somensi, bairro Vila Nova lll;
Rua Ari da Silva, bairro Eucaliptos.